O Que é Agente Autônomo de Investimentos e Como Estudar Para se Tornar Um

Você sabe o que é agente autônomo de investimentos?

Esse termo ficou muito comum de algum tempo para cá, e se você quer se aventurar no mercado financeiro, independentemente do segmento, é importante saber do que se trata!

Porém, se você gostar da ideia toda e quiser se tornar um, é mais necessário ainda entender como estudar e o que fazer pra chegar lá, certo?

Por isso, neste artigo, eu vou explicar sobre isso pra você terminar o texto manjando dos paranauês tudo de AAI!

Afinal, o que é agente autônomo de investimentos?

O agente autônomo de investimentos é um profissional regulado pela CVM (Comissão de Valores Mobiliários), mais precisamente pela instrução 497 desse órgão.

A maioria desses profissionais trabalha como PJ.

Você vai lá, entra como sócio de um escritório ou cria o seu próprio, e vai atuar na parte comercial e de relacionamento, diretamente com o cliente.

Mas para chegar nesse ponto, o AAI precisa:

  1. passar no exame da Ancord;
  2. ser registrado e credenciado pela CVM;
  3. ser vinculado a uma única instituição financeira. (Atualmente a CVM está em discussão com os Agentes Autônomos de investimentos, para que um único agente possa representar mais do que uma instituição, mas por enquanto é apenas uma discussão).

Com isso tudo feito, aí sim ele pode começar a sentir na pele o que é um agente autônomo de investimentos e exercer as funções.

O que faz um AAI?

Como eu disse, um agente autônomo é responsável pela parte comercial do trabalho de um escritório de investimentos, certo? Cara a cara com o cliente.

Então cabe a ele:

  1. captar clientes;
  2. receber e transmitir ordens de investimento para o sistema de negociação da instituição financeira;
  3. prestar informações para os seus clientes sobre os produtos da instituição;
  4. orientar e apoiar a relação comercial com o cliente.

Como estudar para ser um AAI?

Agora que você sabe o que é um agente autônomo de investimentos, se você quiser ser um, precisa passar no exame da Ancord.

Isso porque teve um dia aí em que a CVM decidiu que precisava credenciar uma galera pra trabalhar como AAI, e eles decidiram que a Ancord seria a única entidade autorizada a fazer isso. Então, passou a existir a prova para selecionar essas pessoas.

O exame é bem específico, e exige conhecimentos abrangentes sobre o Sistema Financeiro Nacional, o mercado como um todo, produtos e até sobre a própria profissão e suas condutas, entre muitos outros assuntos.

Ou seja, pode ser um pouco difícil coletar esse material todo aí sozinho, certo meu nobre gafanhoto?

Por isso nós desenvolvemos um curso com tudo o que você precisa saber para mandar bem na prova e começar nessa carreira!

São diversas aulas em vídeo, todas 100% online pra você ver onde quiser e ainda complementar seus estudos e tirar suas dúvidas com simulados atualizados.

Gostou da ideia? Conheça nosso curso preparatório para a Ancord!

Aproveite para ler outros artigos sobre o tema no blog da T2 Educação e acompanhe o nosso canal no YouTube para mais dicas.

0

Compartilhar este post:

Deixe o seu comentário!