Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

O que é CVM? Entenda o Conceito e sua Função

Se você está estudando para tirar alguma certificação do mercado financeiro, é importante que saiba o que é a CVM. Fica tranquilo, porque mais fácil do que você imagina, beleza? A sigla CVM significa Comissão de Valores Mobiliários, e representa uma autarquia federal vinculada ao Ministério da Economia. Quer entender qual é o papel dessa instituição na prática? Continue a leitura!

Afinal, o que é a CVM?

Para quem já sabe qual é o papel do Bacen, talvez seja mais simples entender o que é a CVM. Os dois são órgãos reguladores e obedecem ao Conselho Monetário Nacional (CMN). Porém, a atuação da CVM é focada em investimentos e na bolsa de valores. Assim, a Comissão cria regras e normas, como a Instrução Normativa nº 554, que determina o papel dos investidores profissionais.

Na prática, o que a CVM faz?

Até aqui você deve ter entendido a teoria, mas ainda não sabe o que a CVM faz na prática, né? Relaxa que agora vai ficar mais tranquilo! A CVM tem como papel principal proteger os investidores e criar mecanismos de canalização de poupança para o mercado de capitais. “Caramba, Tiago, mas achei que o mercado agisse de forma totalmente livre”. Na verdade, não. Esse órgão regulador ajuda a deixar a casa em ordem para que as pessoas possam investir com mais segurança. Ao fazer com que mais dinheiro seja destinado para as empresas, elas podem investir mais, gerar mais emprego e renda…enfim, é um looping infinito de coisas boas! Dessa forma, a CVM fiscaliza as sociedades anônimas (S/A), ou seja, as empresas que estão na bolsa, além da própria B3. Na realidade, a Comissão fiscaliza as Bolsas de Valores — isso mesmo, no plural —, mas como só temos uma no país, até o momento o papel dela se restringe à B3. Caso algum dia outra seja aberta, a CVM é que irá cuidar dela, sacou? Outra coisa interessante para você saber sobre a Comissão de Valores Mobiliários é que o mandato do presidente é independente. Ele dura 5 anos e, por isso, não coincide com o governo do Presidente da República. O PR é quem indica o presidente para o órgão com a aprovação do Senado. Agora ficou moleza entender o que é a CVM e o papel que ela tem na sociedade, né? Quer entender mais sobre o Sistema Financeiro Nacional? Aqui no blog da T2 Educação tem outras informações. Confira!
Tiago Feitosa
Tiago Feitosa

Graduado em Matemática e pós graduado em negócios bancários pela FAAP. Possui as certificações CPA10, CPA20, CEA e AAI, além disso é Consultor de Valores Mobiliários credenciado na CVM. Se dedica a ajudar cada vez mais pessoas a se capacitarem profissionalmente.

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Você também pode se interessar por

Acesso Rápido