fbpx

Preciso Saber Inglês para a Prova da Anbima? Conheça 3 Termos em Inglês usados na Prova!

Muitos alunos me perguntam se precisam saber inglês para a prova da ANBIMA, e se você também tem essa dúvida, meu nobre gafanhoto, é hora de resolver isso.

A resposta é: um pouco.

Você não precisa ser o ninja das galáxias da tradução e manjar de todos os paranauês do idioma, mas existem alguns termos nas provas que você precisa entender.

Ah sim, e vale falar que, mais para a frente na sua carreira, é bom investir e estudar inglês, espanhol e outros idiomas, beleza?

Termos em inglês para a prova da ANBIMA

Eu selecionei alguns dos principais termos em inglês que você pode encontrar na prova e, claro, no mercado financeiro. Confere aí:

1. Hedge

A tradução exata para hedge é barreira, e de fato faz muito sentido. Isso porque esse termo significa você proteger a sua carteira de ativos do risco de mercado.

Imagine um investidor que tenha um ativo indexado à variação cambial. Quanto maior for o dólar, melhor para ele, certo?

Mas concorda que se a cotação cai, a situação fica complicada?

Esse cara pode ficar louco rapidinho.

Então, ele contrata um produto de investimento com uma instituição financeira com o objetivo de se proteger contra a queda do dólar, nesse caso, no mercado, nós dizemos que este investidor vai “hedgear” sua posição.

Na prática significa dizer que ele vai se proteger contra a queda do seu investimento. Uma opção é vender o dólar a termo, por algum período, pela cotação atual. Assim ele não perderá dinheiro.

2. Tag Along

Um dos mais importantes termos em inglês para a prova da ANBIMA, porque pode estar na CPA 10, 20 e CEA!

Pense que você decidiu comprar ações de uma empresa enorme, que vamos chamar de X. Você vai lá, compra 100 ou 200 ações e vira um acionista minoritário, certo?

Aí, vem uma empresa Y e compra a empresa X pagando para ela, por ação, um valor maior do que o preço que a ação está sendo negociada na bolsa. Suponha que depois dessa negociação, você decidiu que não quer mais as ações da companhia.

A empresa que comprou, então, é obrigada a oferecer a você a compra de suas ações a um valor de pelo menos 80% do que aquele que ela pagou. Esse é o tag along, e pode variar de uma companhia para outra.

3. Tracking Error

O Tracking Error é um indicador que mede a “aderência” de uma determinada carteira ou ativo ao seu benchmark.

Um exemplo: você está investindo em um fundo que toma como benchmark o Ibovespa Se o seu fundo está rendendo 6% ao ano e o Ibovespa chega aos 7,5% no mesmo período, o tracking error dele é maior do que o de um ativo que rende 7,3%, sacou?

Gostou de saber mais sobre alguns termos em inglês para a prova da ANBIMA? Eu tenho uma playlist inteira lá no YouTube só sobre isso. Aproveita e assiste!

0
Tiago Feitosa

Tiago Feitosa

Graduado em Matemática, pós graduado em negócios bancários pela FAAP e pós graduando em Escola Austríaca de Economia. Possui certificação CEA e AAI. Se dedica a ajudar cada vez mais pessoas a se capacitarem profissionalmente.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook

Deixe um Comentário:

avatar

Você também pode se interessar por: