Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

“Trabalhar em banco é bom”, pelos alunos da T2

Trabalhar em banco é bom, sim.

E não sou eu que tô falando. São os alunos aqui da escola.

Pegamos os comentários de alguns alunos para criar este texto, e quem sabe te ajudar na decisão de tentar a vida no mercado financeiro.

Vamos aos motivos que mostram que trabalhar no banco é bom!

O salário é bem (ou muito) razoável

Não vou dizer que você vai ficar rico atuando no banco. Mas que o salário chama atenção, chama mesmo.

Sabe, quase metade dos brasileiros ganha menos do que um salário mínimo. A média do país, por outro lado, é puxada para cima por causa de 1% da população que ganha em média R$ 27 mil por mês.

Assim, temos uma média brasileira de R$ 2.100. 

E no banco?, você me pergunta. Bom, o salário médio nos bancos é de pouco mais de 5 mil reais. Sendo que um estagiário, em algumas instituições, pode ganhar 2 mil reais por mês. Isso mesmo, um estagiário do banco ganha o mesmo que a média do brasileiro.

Um bom retorno financeiro, certo?

A felicidade de quem recebe o salário é impagável.

Ótimo horário de trabalho 

A jornada de trabalho no banco obedece 6 horas diárias (30 horas semanais). E isso é muito bom para quem gosta de aproveitar mais o tempo livre.

Nossos alunos destacam, porém, o intervalo de 15 minutos para almoço. Isso irrita um pouco, claro, mas saber que você vai chegar mais cedo em casa é uma boa recompensa. Qual emprego, hoje em dia, tem apenas seis horas de trabalho por dia?

E se você precisar ficar uma horinha a mais, o banco paga hora-extra. Ou seja, a sua correria sempre vai ser remunerada.

Reconhecimento no dia a dia

Fiquei na dúvida se colocava este tópico aqui.

Cheguei a conversar com um aluno que reclamou, tristemente, não ter reconhecimento na agência em que trabalha. Então devo dizer que ser reconhecido depende muito da gerência do banco, de quem lidera a equipe.

Sendo assim, quando há reconhecimento pelos esforços e qualidade na atuação, este é um ótimo motivo para achar que trabalhar no banco é bom. Nós precisamos de incentivo para manter o bom nível de atuação, e muitas agências têm isso no papel de gerente. 

Portanto, se você trabalha em um banco e recebe muitos feedbacks, agradeça. O reconhecimento no dia a dia é primordial para continuarmos a gostar do que fazemos.

TRABALHO EM EQUIPE E RECONHECIMENTO, GALERA

Os benefícios e a PL

Se você já trabalhou em alguma empresa que oferece benefícios para os funcionários, saiba que o banco é talvez um dos melhores lugares neste sentido.

Para citar apenas as coisas que aparecem em todos os bancos, temos vale alimentação, vale transporte, seguro de vida, plano de saúde e previdência privada como os benefícios preferidos dos bancários. Isso se não contarmos com as vantagens do próprio banco, como os produtos e serviços exclusivos aos funcionários.

Tudo isso fica ainda melhor quando chega a hora da Participação dos Lucros. A famosa PL traz aquele retorno financeiro a mais quando as metas são atingidas, e é comemorada por muita gente. Quem sabe você não esteja comemorando uma PL em breve!

As pessoas são incríveis

É unanimidade entre os nossos alunos: o ambiente de trabalho é muito bom nos bancos.

Embora esteja cercado por pressão e responsabilidade (o que é normal e um emprego que mexe com tanto dinheiro, com tantos prazos), o ambiente no banco proporciona amizades e conexões acima da média. Pois é um trabalho que precisa, mais do que tudo, da sintonia entre os funcionários.

Não adiante ser colega de trabalho se no final você foi egoísta e jogou tudo nas costas do amiguinho, né? As metas só são atingidas se as pessoas trabalham unidas.

E trabalhar com pessoas incríveis é melhor ainda.

Trabalhar em banco é bom para formar super-amigos.

Você ainda tem dúvida se trabalhar no banco é bom?

A gente busca sempre ajudar nossos alunos a conhecerem melhor o mercado financeiro. Tanto aqui no blog, quanto nos nossos cursos preparatórios para a ANBIMA.

Se você já trabalho no banco e está lendo este texto, deixe um comentário com as suas impressões sobre a vida de um bancário! Tenho certeza de que os outros leitores vão adorar.  😉

Grande abraço!

Tiago Feitosa
Tiago Feitosa

Graduado em Matemática e pós graduado em negócios bancários pela FAAP. Possui as certificações CPA10, CPA20, CEA e AAI, além disso é Consultor de Valores Mobiliários credenciado na CVM. Se dedica a ajudar cada vez mais pessoas a se capacitarem profissionalmente.

guest
4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Rafael
Rafael
2 anos atrás

Estou fazendo a CEA com objetivo de trabalhar no banco !! espero passar de primeira e conseguir um emprego.

Ruy Galvão
Ruy Galvão
2 anos atrás
Reply to  Rafael

E nós estaremos torcendo por você, Rafael! Se precisar de ajuda, conta com a gente

Guilherme Martinez
Guilherme Martinez
2 anos atrás

Sou funcionário a 3 anos e meio de um banco, e realmente é algo muito bom. Cada dia é uma nova guerra! Um novo desafio! E sempre uma incógnita. Não se pede trabalhar como um robô, pra a cada cliente você tem que se desdobrar de uma maneira diferente! São muitos, todos com sua particularidade, o que torna prazeroso pois, mesmo sem tempo adequado de atendimento devido a busca por resultados, podemos conhecer muitas histórias diferentes!
Resumiria em uma guerra com comédia a vida de um bancário!!!

Ruy Galvão
Ruy Galvão
2 anos atrás

Seu comentário resume bem o sentimento dos bancários, Guilherme! Os desafios podem ser difíceis, mas se fosse fácil, não seria um desafio. Né? hahahaha. Trabalhar como HUMANO e que se importa é o mais importante. Muito obrigado pelas palavras!

Você também pode se interessar por

Acesso Rápido
entenda o que é o ipca acumulado

IPCA Acumulado: O Que É E Como Ele Influencia O Mercado

Se você é uma pessoa antenada nas notícias, provavelmente, já ouviu falar do IPCA acumulado, né? De vez em quando, esse termo aparece nos noticiários, como um dos indicadores mais importantes do país.  Mas, afinal, do que se trata esse tal de IPCA? Será que ele influencia na minha e na sua vida? Tenho certeza…

Ler mais