VPL — Saiba Como Calcular O Valor Presente Líquido E Entendê-lo

Fala, pessoal. Beleza? Vocês já devem ter percebido que no mercado de investimentos existem várias siglas importantes, né? Uma delas é o VPL (Valor Presente Líquido).

Quer entender do que se trata e como calculá-lo? Então, se liga neste conteúdo que eu preparei!

O que é Valor Presente Líquido?

O VPL é uma métrica relacionada com a viabilidade de projetos de investimento. Na prática, isso é feito trazendo uma projeção para o momento atual.

Funciona assim: imagina que você invista R$ 100 e deseje um retorno mínimo, ou melhor, uma TMA (Taxa Mínima de Atratividade) de 10%. Nesse caso, os R$100 vão virar R$ 110.

Porém, você encontra um investimento que pode chegar a R$ 115, portanto, 15%. Nessa situação, o VPL é a diferença entre os 15% e os 10%, o que dá 5%.

Qual é a fórmula do VPL?

Entender o VPL até é simples, mas o cálculo pode envolver algumas variáveis que podem confundir. Veja o passo a passo:

  • defina o fluxo de caixa;
  • calcule a TMA;
  • descubra o valor de cada fluxo;
  • some os valores
  • obtenha o VPL.

A fórmula ficaria assim:

 

Em que:

FC: fluxo de caixa
t: tempo do caixa
i: TMA
n: período de tempo

O que é possível concluir a partir do VPL?

Interpretar o VPL é mais simples do que parece. Se o resultado der um número negativo, significa que as despesas serão maiores que a receita e, portanto, o investimento é inviável.

Por outro lado, um número positivo pode indicar um bom índice de rentabilidade. Já se o cálculo for igual a zero, então, as despesas e retorno são os mesmos, o que indica um investimento neutro.

Como entender o valor presente líquido na prática?

Chegou até aqui e ainda está achando confuso? Relaxa que agora você vai entender de vez o que é esse tal de VPL.

Como visto, ele se refere a um cálculo para entender valores números na data atual. Lembre-se que o dinheiro muda de valor ao longo do tempo.

Ou seja, R$ 50 de hoje não são os mesmos R$ 50 de 10 anos atrás. Pense em quantos chicletes você poderia comprar antes e quantos pode agora. Percebe a diferença?

Agora vamos ao que interessa. Sabendo disso, imagine que você tem uma empresa e duas ideias de projeto:

  • investir R$ 100 mil e ter R$ 90 mil de caixa por dois anos;
  • investir R$ 100 mil e ter R$ 70 mil de caixa por três anos.

Nos dois casos, a TMA é de 10%. Então, como saber, no valor atual, qual é o mais vantajoso? Parece ser o primeiro, pois 90 é maior que 70, mas será mesmo? O fator tempo pode mudar tudo!

Se você fizer o cálculo de VPL, vai descobrir dois valores: R$ 56 mil para o primeiro e R$ 74 para o segundo. Isso significa que o 2º projeto é mais vantajoso em questão de dinheiro. Porém, ele demora mais para gerar o caixa.

Em uma situação assim, o investidor pode decidir o que quer: um retorno mais rápido ou maior. Agora vamos entender como o VPL é aplicado nos investimentos?

Como o VPL é usado para avaliar ações?

Já entendemos como funciona o VPL no segmento empresarial, agora vamos analisar como a métrica pode ser usada para a escolha de investimentos, ok?

Imagine que um investidor aplique R$ 100 e queira receber R$ 10 em um ano, portanto, uma Taxa Mínima de Atratividade (TMA) de 10%.

Caso o retorno seja de 15%, então, 5% a mais do que o esperado — com o desconto do valor presente, isso representa R$ 4,35.

Agora sabia que o VPL também tem relação com o preço justo de uma ação? Caso o VPL esteja maior que zero, então, o ativo está com preço atraente, ou seja, está sendo vendido por um valor menor do que vale.

Porém, o VPL negativo indica o oposto, isso é, a ação está sendo negociada acima do preço intrínseco.

Quer entender mais sobre as métricas relacionadas com investimentos? Então, veja outros conteúdos da T2 Educação!

0 0 vote
Article Rating
0
Tiago Feitosa

Tiago Feitosa

Graduado em Matemática, pós graduado em negócios bancários pela FAAP e pós graduando em Escola Austríaca de Economia. Possui certificação CEA e AAI. Se dedica a ajudar cada vez mais pessoas a se capacitarem profissionalmente.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook

Deixe um Comentário:

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Você também pode se interessar por: