O Que é Benchmark no Mercado Financeiro?

Você sabe o que é Benchmark? Pois esse conceito é muito usado no mercado financeiro. Principalmente para comparar rentabilidades.

É um assunto bem recorrente nas três provas de certificação da ANBIMA: CPA-10, CPA-20 e CEA, além de ser um conteúdo cobrado na prova de Agente Autônomo de investimento (AAI) da Ancord.

Então, sem demoras, vamos responder…

O que é Benchmark no Mercado Financeiro?

A grosso modo, podemos traduzir Benchmark como “referência”. Podemos usá-lo como um indicador de referência, um parâmetro de comparação de rentabilidade.

Pensa assim: antigamente (muito tempo atrás, lá na Grécia antiga), o benchmark de um bom guerreiro era Aquiles. Todo mundo queria lutar como ele. Aquiles era a referência para os melhores soldados.

Pulando algumas centenas de anos, podemos usar o futebol como exemplo.  A Seleção Brasileira se tornou a referência para as outras. A única pentacampeã do mundo é o benchmark de onde um país pode chegar nas Copas do Mundo. Tudo bem que não tem dado muito certo ultimamente, mas continuamos sendo a única seleção com 5 títulos mundiais, certo?

O conceito de benchmark no mercado financeiro é usado da mesma maneira. Quer saber como?

Um exemplo prático de benchmark

Como exemplo, vamos usar uma aplicação financeira que rendeu 10% no último ano.

O que você tem a me dizer sobre ela? Não sabemos se ela teve ou não uma boa rentabilidade. Para sabermos se esta aplicação foi boa de verdade, é preciso um parâmetro de comparação.

E é aí que entra o benchmark. Imagine que, enquanto essa aplicação rendeu 10% em um ano, neste mesmo ano a inflação subiu 30%. Aqui, estou comparando a nossa rentabilidade com o IPCA, ou seja, com a inflação. Mas podemos utilizar qualquer indicador econômico em nosso benchmark.

No final, nosso exemplo foi um péssimo investimento. Ele rendeu 10%, enquanto a inflação aumento 30%. Ou seja, ele rendeu muito menos do que a inflação.

Por outro lado, se no mesmo período tivéssemos uma inflação de 2%, então uma aplicação que rende 10% teria sido um bom investimento.

Assim fica fácil de entender o que é benchmark no mercado financeiro, né?

Benchmark em renda fixa e renda variável

Vamos estender brevemente o assunto, falando sobre renda fixa e renda variável.

O principal indicador usado como benchmark em renda fixa é a Taxa DI (de Certificado de Depósito Interbancário). Se o indexador DI estiver rendendo 16% ao ano, por exemplo, um investimento de renda fixa que render uma porcentagem próxima a esse valor será um bom investimento.

Em renda variável, o principal indicador é o Ibovespa, o mesmo usado em ações da bolsa. O exemplo é bem parecido. Se o seu investimento render em uma porcentagem próxima ao Índice Bovespa, então ele é um bom investimento.

Se o objetivo do investidor é proteger seu dinheiro da inflação, ele deve escolher o IPCA ou até mesmo o IGP-M como benchmark. No entanto, se o investidor quiser ter a rentabilidade oferecida no mercado de ações, ele deve analisar indicadores desse mercado. O principal indicador da renda variável é o Ibovespa.

Conclusão

No final, um benchmark no mercado financeiro nada mais é do que uma forma de medir a performance de um investimento.

Mas é bom ficar atento para não comparar um investimento em ações, por exemplo, com um benchmark de renda fixa. Não faz sentido, né? O índice de performance deve obedecer o tipo de investimento a ser estudado.

E se você ainda tem alguma dúvida sobre o que é benchmark no mercado financeiro, deixa sua pergunta aqui no blog. Vamos adorar te ajudar!

Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no skype
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no vk
Compartilhar no tumblr
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Compartilhar no print
guest
4 Comentários
Melissa
Melissa
3

Bom dia,
Venho agradecer a clareza nas palavras e os exemplos super práticos.
Sou apaixonada pelo mercado financeiro e quando vou pesquisar algo ja incluo na palavra-chave (T2 educação) que tenho certeza que vai ser o melhor lugar para me ajudar.

Obrigada!

Ruy Galvão
Ruy Galvão
3

Melissa, bom dia! Que comentário gostoso de ler <3
Ficamos muito felizes em te ajudar. Nesse post, os exemplos foram fáceis de fazer, porque amo mitologia grega e futebol hahahahaha.

Obrigado você por nos acompanhar e acreditar no nosso trabalho!

Geraldine
Geraldine
1

Muito didática a explicação. Ja vou salvar esse blog para estudos futuros! Obrigada

Junior Lino
Editor

Nós que agradecemos o feedback Geraldine!

Você também pode se interessar por

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook

COMPARTILHE!

Acesso Rápido